Macapá

Macapá. Uma presença que não se detém

Notas da assembleia da comunidade de Macapá com Marco Montrasi, responsável nacional de CL. O encontro foi realizado na sexta-feira, dia 7 de agosto de 2020, por videoconferência

«“Jesus se dirigia à humanidade ferida e cheia de limites daqueles que encontrava. Nada O detinha. E nada O detém agora”. Se alguém tivesse ouvido a Edna falar na época em que Jesus caminhava pelas cidadezinhas, poderia ter dito: “Caramba, essa mulher encontrou Jesus também”. Nada O detinha. Por quê? Ele olhava a humanidade ferida e cheia de limites daqueles que encontrava. Mas nada o detinha. E a coisa que me marcou muito é este trecho: “E nada O detém agora”, diz Carrón. Agora, dentro desta situação, neste momento histórico, nada detém esse olhar de Cristo que busca a nossa humanidade ferida.»

Leia abaixo o texto completo