Amazônia, uma escola para não irem embora

Entre os projetos das Tendas Avsi deste ano, o apoio para a escola agrícola Rainha dos Apóstolos, de Manaus
William Congdom, <em>Natividade</em>, 1960
Atualidade

Nova Escola de Comunidade

O movimento Comunhão e Libertação propõe o trabalho de Escola de Comunidade sobre o novo livro Deixar marcas na história do mundo, de Luigi Giussani, Stefano Alberto e Javier Prades, que será lançado pela Ed. Companhia Ilimitada

«Nesse texto estão reunidas as reflexões de Dom Giussani sobre a experiência cristã em diálogo com os responsáveis do Movimento durante os anos noventa. Essas falas marcaram o caminho e acompanharam a vida do Movimento naqueles anos. Dom Giussani falava d...

«Nestes anos aprendi a amar»

Um telefonema inesperado há quase dez anos levou a espanhola Isabel Martín a trabalhar em São Paulo. Não demorou nada para decidir. Já tinha visto um olhar que ela também queria para si, e era o momento de verificar...

Dom Filippo: «O que aprendi com este Sínodo»

Um balanço do encontro dos bispos sobre a Amazônia. A escuta do grito dessa terra e de seus povos. Um chacoalhão saudável para «redescobrir a novidade do Evangelho»

«Até Aparecida, na companhia da minha solidão»

Na madrugada entre 5 e 6 de outubro, as comunidades São Paulo e Rio de Janeiro foram em peregrinação até o santuário da padroeira do Brasil. Anelise conta a experiência que viveu durante a caminhada

Educação. O que pode durar?

Uma pergunta que invade os dias na escola, com os estudantes e colegas, em casa, com a família e os amigos. E que está marcando o caminho do grupo de educadores do Movimento (de Passos setembro/2019)

«Quem é este?» - O texto da Jornada

O texto do Dia de Início de Ano dos adultos e dos estudantes universitários de Comunhão e Libertação. Disponível em PDF e EPUB.